Livro de Janeiro: Herege – Por que o Islã precisa de uma reforma imediata

HEREGE - Ayaan Hirsi Ali - Companhia das Letras

Do que trata: escrito por uma ex-muçulmana, ela aponta trechos do Alcorão e dos ensinamentos do Islamismo que instigam violência, subestimam as mulheres, incentivam perseguição aos inimigos e punições severas aos “infiéis”. A autora defende a ideia de que as principais organizações terroristas atuam de acordo com os preceitos do livro sagrado dos muçulmanos e de que, assim como aconteceu com o Catolicismo e Judaísmo, o Islamismo precisa urgente de uma reforma e atualização.

Você deve ler se: tem interesse em entender o mundo islâmico (pelo menos para mim ele sempre foi um mistério) sob a visão de uma mulher que foi criada sob seus rigorosos valores e ousou colocar a própria vida em risco ao criticá-lo.

Você não deve ler se: o livro o influenciará a ponto de deixá-lo ainda mais preconceituoso com relação à comunidade muçulmana em geral, já que protegê-los da ideia de que são todos terroristas em potencial é uma das principais preocupações do mundo hoje.

Trecho mais marcante: “Se a esperança de uma Reforma Muçulmana morrer, o resto do mundo vai pagar um preço enorme.”

Extra: comece pelo começo, Infiel e Nômade são outros dois livros incríveis de Ayaan Hirsi Ali, todo mundo pra quem já indiquei adorou.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s